DOUGLAS REIS


                  série Lápis-Lazúli

NOÇÃO DE DISTÂNCIA

[Trechos]

             

                  [...] 

Empinasse os pés pelo azul de Teus mistérios

E ao espírito seria este um vôo adequado.

Quisera ouvir-te como ouço às aves!… Impérios

Daria pela terra em que houvesses pisado.

                   [...] 

Quando nos virmos, sem véus, nos pátios da Glória,

Que eu tenha o que dizer de um episódio nosso.

Nossa amizade não rende uma grande história

(Talvez nem íntimo Te seja – e sei que o posso).

Turva-me o olhar Teu sangue em tráfego de morte,

Quando, em ato que a História anota em folha rica,

Morrias, mas sofrendo enquanto Homem tal corte,

Davas à História, enquanto Deus, o ápex que a explica.

Fora da cruz, qualquer caminho é incompleto,

E digo o quanto estive entregue aos descaminhos

Quando andei sem ouvir a voz da cruz, repleto

De mofo, de exaustão, de embriaguez, de espinhos.

                   [...] 

 

 



Escrito por Douglas Reis às 06h10
[   ] [ envie esta mensagem ]


[ ver mensagens anteriores ]


 
Histórico
  11/03/2007 a 17/03/2007
  04/03/2007 a 10/03/2007
  18/02/2007 a 24/02/2007
  11/02/2007 a 17/02/2007
  04/02/2007 a 10/02/2007
  28/01/2007 a 03/02/2007
  17/12/2006 a 23/12/2006
  10/12/2006 a 16/12/2006
  03/12/2006 a 09/12/2006
  26/11/2006 a 02/12/2006
  19/11/2006 a 25/11/2006
  12/11/2006 a 18/11/2006


Outros sites
  O Que Deus Sente
  BOL - E-mail grátis
  UOL - O melhor conteúdo
Votação
  Dê uma nota para meu blog